A Escolinha em Bilibiza

hudie Africa, De Joanesburgo A Bilibiza, Moçambique, Não categorizado, Viagens Leave a Comment

Em Bilibiza, há uma escola onde a maioria das crianças locais começam e culminam seus estudos de educação básica. É grande, com grandes janelas que permitem que a brisa resfrie os quartos. As áreas verdes estão cheias de árvores de sombra e, claro, a mais variada fauna incluindo belos camaleões.
Para os mais pequenos existe um jardim de infância, chamado “A Escolinha”. Muitas crianças frequentam lhe regularmente e através da canções e atividades da escola aprendem da língua portuguesa, a qual e muito pouco falada em Bilibiza, mas útil nas principais regiões do país e a língua em comum entre outros grupos étnicos da nação.
Durante nossa estada em BIlibiza, vemos que muitas das crianças entre 4 a 10 anos não sabiam nada da língua portuguesa. Questionamos aos pais do por que não mandar seus filhos à escola, ainda quando não tem que pagar nada. Eles responderam-nos que as crianças em Bilibiza podem escolher se querer estudar ou não. Então se a criança não está interessada em ir para a escola, os pais não enviam. O resultado é que a criança não aprende Português e diminui suas oportunidades de continuar a escola primária ou secundária.

Por esta situação Hanaffan e eu tentamos improvisar uma classe simples para ver quantas crianças acudiam a participar. O resultado não foi muito animador em comparação com o número de crianças que visitam nossa cabana em  base diária para brincar. Parece que eles têm medo do lápis e o papel! No entanto, os poucos que chegaram parece que  apreciaram aprendendo letras e pintura.

Não acreditem que foi fácil de aprender as vogais! Tivemos que recorrer a ajuda de um jovem da aldeia que explicou o que nos dissemos e ajudou traduzir para a língua local, conhecida como Macua. Por outro lado, e como um incentivo, oferecemos prêmios por bom comportamento,  atenção e  participação… Entre os prêmios favoritos estavam as bolachas de leite e os balões infláveis que as crianças adoraram, mas por os que também choraram inconsolável quando explodiram.
O final da aula consistiu em fazer um desenho de Hanaffan. Todos estavam concentrados e fizeram o seu melhor esforço. Para mim, todos os desenhos eram lindas… nada mais parecido com meu amado Hanaffan!
Aqui no fotos uma releitura deste lindo dia. Obrigada Vida… você tem me dado tanto!

 

Invalid Displayed Gallery

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *